Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/54
Tipo: Dissertação
Título: Diminuição da expressão renal da enzima conversora de angiotensina por meio de um pequeno RNA interferente reduz pressão arterial sistêmica em ratos espontaneamente hipertensos.
Autor: Almeida, Aline da Silva 
Primeiro orientador: Chica, Javier Emilio Lazo
Resumo: No presente estudo avaliamos o efeito de uma pequena molécula de RNA com seqüência específica para silenciar a expressão do gene da enzima conversora da angiotensina (ECA) em ratos espontaneamente hipertensos (SHR). Para tal, 19 animais SHR machos com 16 semanas de idade foram submetidos sob anestesia a canulação de artéria e veia femorais para registro crônico da PA e administração de drogas respectivamente. Após registro basal da PAM e FC em sistema computadorizado, 09 animais receberam por via endovenosa RNA interferente para o gene da ECA (grupo RNAi-ECA, dose de 150ug/Kg) e os outros 10 animais receberam RNA interferente para um gene não expresso em mamíferos (RNA para o gene da proteína fluorescente verde eGFP, dose de 150ug/Kg) os quais constituíram o grupo controle. A seguir, a cada 12 horas pelos próximos 04 dias, registros contínuos de PA direta por 30 minutos foram efetuados em ambiente quieto e controlados. Ao final do quarto dia, após o ultimo registro da PA e quantificação da resposta pressora a angiotensina I (100 ng/Kg, i.v., bolus), todos os animais foram eutanasiados e os pulmões e rins foram extraídos e submetidos à análise de Western Blot e de RT-PCR para verificar o grau de expressão da ECA tecidual. Os valores basais de PAM e FC prévios ao tratamento não diferiram entre os grupos (182±3 mmHg e 366±10 bpm no grupo RNAi-ECA e 172±4 mmHg e 356±16 bpm no grupo controle, respectivamente, p=ns). Os valores de PAM permaneceram semelhantes nos dois grupos até a metade do segundo dia de registro, após o que iniciaram queda progressiva nos animais RNAi-ECA atingindo os valores mais baixo no quarto dia de seguimento (136±8 mmHg versus 167±4 mmHg no grupo controle, p<0,02). Os valores de FC bem como a resposta pressora à angiotensina I não diferiram entre os grupos. Analise de Western-blot em tecidos revelou uma redução de 52,9% na expressão da ECA nos rins dos animais tratados em comparação com o No presente estudo avaliamos o efeito de uma pequena molécula de RNA com seqüência específica para silenciar a expressão do gene da enzima conversora da angiotensina (ECA) em ratos espontaneamente hipertensos (SHR). Para tal, 19 animais SHR machos com 16 semanas de idade foram submetidos sob anestesia a canulação de artéria e veia femorais para registro crônico da PA e administração de drogas respectivamente. Após registro basal da PAM e FC em sistema computadorizado, 09 animais receberam por via endovenosa RNA interferente para o gene da ECA (grupo RNAi-ECA, dose de 150ug/Kg) e os outros 10 animais receberam RNA interferente para um gene não expresso em mamíferos (RNA para o gene da proteína fluorescente verde eGFP, dose de 150ug/Kg) os quais constituíram o grupo controle. A seguir, a cada 12 horas pelos próximos 04 dias, registros contínuos de PA direta por 30 minutos foram efetuados em ambiente quieto e controlados. Ao final do quarto dia, após o ultimo registro da PA e quantificação da resposta pressora a angiotensina I (100 ng/Kg, i.v., bolus), todos os animais foram eutanasiados e os pulmões e rins foram extraídos e submetidos à análise de Western Blot e de RT-PCR para verificar o grau de expressão da ECA tecidual. Os valores basais de PAM e FC prévios ao tratamento não diferiram entre os grupos (182±3 mmHg e 366±10 bpm no grupo RNAi-ECA e 172±4 mmHg e 356±16 bpm no grupo controle, respectivamente, p=ns). Os valores de PAM permaneceram semelhantes nos dois grupos até a metade do segundo dia de registro, após o que iniciaram queda progressiva nos animais RNAi-ECA atingindo os valores mais baixo no quarto dia de seguimento (136±8 mmHg versus 167±4 mmHg no grupo controle, p<0,02). Os valores de FC bem como a resposta pressora à angiotensina I não diferiram entre os grupos. Analise de Western-blot em tecidos revelou uma redução de 52,9% na expressão da ECA nos rins dos animais tratados em comparação com o controle, sem modificação no nível de expressão da ECA pulmonar. A expressão de RNAm para a ECA nos rins dos animais tratados, avaliada por RT-PCR, não foi significativamente diferente daquela observa nos rins de animais controles. Esses dados sugerem que um pequeno RNA específico para o gene da ECA, administrado intravenosamente, pode atuar in vivo atenuando de forma tecidoseletiva a expressão da ECA, com grande repercussão sobre a pressão arterial sistêmica. A redução da expressão da proteína sem modificação significativa do RNA mensageiro sugere que o pequeno RNA administrado pode estar exercendo um efeito de microRNA, bloqueando a tradução do RNA mensageiro da ECA em proteína. Tal achado sugere uma potencial aplicação de pequenos RNAs interferentes ou microRNAs como uma promissora estratégia terapêutica no tratamento da hipertensão arterial sistêmica.
Resumo: In the present study we evaluated the effects of a small interfering RNA (siRNA) targeting angiotensin converting enzyme (ACE) gene in spontaneously hypertensive rats (SHR). Nineteen male sixteen weeks-old SHR were submitted under anesthesia to femoral vessels catheterization for chronic recordings of arterial pressure (AP) and drug administration, respectively. After baseline AP and heart rate (HR) recordings in a computerized system, nine animals received by intravenous infusion 150ug/Kg of ACE-siRNA and other ten animals (control group) received also intravenously siRNA targeting enhanced green fluorescent protein (eGFP) gene, not expressed in mammalians. Following, each twelve hours for the next four days, continuous recordings of AP and HR for 30 minutes each one were performed in quiet and controlled room. At the end of forth day, after last AP recording and evaluation of angiotensin I (100 ng/Kg, i.v.) pressor response, all animals were sacrificed and lungs and kidneys were extracted to perform western-blot and RTPCR analysis of tissue ACE expression. Baseline values of mean AP (MAP) and HR did not differ between groups before treatment (182±3 mmHg e 366±10 bpm in ACEsiRNA group and 172±4 mmHg e 356±16 bpm in control group, respectively, p=ns). MAP values remained similar in both groups until second day, after which they began to decrease in ACE-siRNA group reaching the lowest values in the forth day (136±8 mmHg versus 167±4 mmHg in control, p<0,02). HR values as well as angiotensin I pressure responses did not differ between groups. Western-blot analysis of tissue ACE expression revealed 52,9% of reduction of kidneys ACE expression in ACEsiRNA group as compared to control group, without changes in lung ACE expression. Despite of reduction of protein expression in the kidneys of the treated animals, RTPCR was not able to demonstrate any change in messenger RNA expression for ACE in treated animals. These data suggest that a naked small RNA targeting ACE gene, intravenously injected, may act in vivo attenuating ACE expression in a tissueselective way, with marked repercussion on systemic arterial pressure in SHR. Since the expression of messenger RNA for ACE was not modified, a possible microRNA effect could be suggested. These findings point out small interferent RNAs or microRNAs as a promising strategy to treat systemic arterial hypertension.
Palavras-chave: Hipertensão
Micro RNA
Terapia gênica
Hypertension
RNA
Gene therapy.
Área do CNPQ: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::ANATOMIA PATOLOGICA E PATOLOGIA CLINICA
Idioma: por
País: BR
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Patologia Clínica
Programa: Programa de Pós-Graduação em Patologia
Citação: ALMEIDA, Aline da Silva. Diminuição da expressão renal da enzima conversora de angiotensina por meio de um pequeno RNA interferente reduz pressão arterial sistêmica em ratos espontaneamente hipertensos.. 2006. 143 f. Dissertação (Mestrado em Patologia Clínica) - Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Embargado
Data do documento: 27-Jun-2006
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Patologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_AlineSilvaAlmeida_ME.pdf1,6 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.