Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/65
Tipo: Dissertação
Título: Estudo da Expressão do Canal para Sódio Dependente de Voltagem Nav1.6 nas Células Octopus e Multipolares do PVCN no Núcleo Coclear do Sistema Auditivo
Autor: Finholdt, Glauco Rocha 
Primeiro orientador: Rodrigues, Aldo Rogelis Aquiles
Resumo: O presente trabalho teve como objetivo avaliar quais subunidades de canais para sódio voltagem dependentes estão presentes em subpopulações neuronais da região póstero-ventral do núcleo coclear (PVCN). Reações de imunofluorescência de simples ou dupla marcação em fatias parassagitais do núcleo coclear revelaram a expressão do canal Nav1.6 no segmento inicial do axônio (AIS) tanto das células octopus quanto das multipolares. Células octopus, cuja área de silhueta somática média foi de 499 ± 9 μm2 apresentou uma extensão de marcação anti-Nav1.6 no AIS de 38,1 ± 2,6 μm, enquanto que nas células multipolares essas medidas foram 271 ± 11 μm2 e 16,3 ± 2,5 μm, respectivamente. A definição que a estrutura marcada com o anticorpo anti-Nav1.6 corresponde ao AIS, foi baseada na colocalização com a marcação anti-anquirina-G. A intensidade de marcação anti-Nav1.6 aumenta com a distância a partir do soma ao longo do AIS. Já a ausência da colocalização da marcação anti-Nav1.6 e anti-MAP-2 sugere a ausência da expressão do canal nos dendritos. Do mesmo modo, a marcação de terminais sinápticos com um anticorpo SV2 e análise de colocalização com esse canal, mostrou que o mesmo não está presente em terminais nervosos que fazem sinapse com neurônios do PVCN. Os resultados obtidos sugerem que o canal para sódio Nav1.6 está expresso nos neurônios já no oitavo dia pós-natal e que sua expressão acompanha o desenvolvimento neuronal permanecendo após sua maturação. Nossos experimentos também revelaram uma intensa marcação dos canais Nav1.6 em nodos de Ranvier e uma discreta marcação no citoplasma somático mas, que aparentemente não está presente na membrana somática. No AIS, as subunidades Nav1.1 e 1.2 não foram encontradas. A alta densidade de canais Nav1.6 no AIS sugere que esse canal é o responsável pela geração do potencial de ação nessas células. A marcação anti-Nav1.2 foi observada em fibras amielinizadas. De um modo geral, nossos dados sugerem que o canal Nav1.6 é a principal subunidade expressa pelas células multipolares e octopus do PVCN onde eles podem estar envolvidos com a geração de potenciais de ação rápidos e em altas freqüências que são característicos dessas células.
Resumo: The present work aimed to evaluate which voltage-dependent sodium channel subunits are expressed in different neuronal subpopulations of the posterior ventral cochlear nucleus (PVCN). Immunofluorescence reactions of the type simple or dual labelling in parasagital slices of cochlear nucleus revealed the expression of Nav1.6 channel at the axon initial segments (AIS) in octopus or multipolar cells. Octopus cells, whose average silhouette área were 499 ± 9 μm2 presented na extension of Nav1.6 labelling at the AIS of 38,1 ± 2,6 μm, whereas multipolar cell these measurements were 271 ± 11 μm2 and 16,3 ± 2,5 μm, respectivelly. The definition that the structure labelled with the anti-Nav1.6 antibody corresponds to the AIS was based in the colocalization with anti-ankyrin-G labelling. The intensity of anti-Nav1.6 labelling increases with the distance from the soma. The lack of colocalization of anti-Nav1.6 and anti-MAP-2 labelling suggests the absence of this sodium channel at the dendrites. Similarly, the labeling of synaptic terminals with synaptic vesicle protein 2 antibody (anti-SV2) and colocalization analysis, showed that this channel is not expressed at synaptic terminals on PVCN neurons. The results suggest that Nav1.6 is present in PVCN neurons at pos natal day eight and that its expression follows the neuronal development being maintained after maturation. Our experimental results also revealed an intense Nav1.6 labeling at nodes of Ranvier and a weak somatic staining that apparently does not included the somatic membrane. At the AIS, the Nav1.1 and 1.2 subunits were not detected. The high density of Nav1.6 channel at the AIS suggests that this channel is responsible for the action potential generation at these cells. Nav1.2 labeling was observed at unmyelinated fibers. Overall, our data suggest that Nav1.6 is the main subunit expressed at multipolar and octopus cells of PVCN where it may be involved with the generation of action potentials at high frequency that is a characteristic of these cells.
Palavras-chave: Sistema auditivo
Nav1.6
Canais para sódio
Segmento inicial do axônio
Núcleo coclear
Sistema auditivo
Células multipolares
Células octopus
Nav1.6
Sodium channels
Axon initial segment
Cochlear nucleus
Auditory system
Multipolar cells
Octopus cells
Área do CNPQ: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Idioma: por
País: BR
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Bioquímica, Fisiologia e Farmacologia
Programa: Curso de Pós-Graduação em Ciências Fisiológicas
Citação: FINHOLDT, Glauco Rocha. Estudo da Expressão do Canal para Sódio Dependente de Voltagem Nav1.6 nas Células Octopus e Multipolares do PVCN no Núcleo Coclear do Sistema Auditivo. 2011. 71 f. Dissertação (Mestrado em Bioquímica, Fisiologia e Farmacologia) - Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2011.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Data do documento: 4-Oct-2011
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciências Fisiológicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GlaucoDissert.pdf4,6 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.