Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/373
Tipo: Tese
Título: Comportamento sedentário, atividade física e estado nutricional de idosos
Autor: CAMILO, Bruno de Freitas 
Primeiro orientador: DAMIAO, Renata
Resumo: A partir da transição epidemiológica ocorrida nas últimas décadas, observa-se uma mudança na pirâmide etária, com o aumento da população de idosos. Além disso, nota-se uma alteração no estilo de vida dos indivíduos em relação aos hábitos alimentares, redução da prática de atividades físicas e aumento do tempo em comportamento sedentário. Assim, surge a necessidade de compreender a relação entre essas variáveis e seus efeitos deletérios à saúde dos indivíduos. Portanto, o objetivo deste estudo foi analisar a associação de comportamento sedentário e nível de atividade física de forma combinada e independente com estado nutricional em idosos. No primeiro artigo, realizou-se uma revisão sistemática nas bases de dados BVS, PubMed e Web of Science para analisar estudos observacionais que avaliaram a associação entre tempo de exposição ao comportamento sedentário e estado nutricional (excesso de peso/desnutrição) em indivíduos com idade ≥60 anos. Oito artigos foram incluídos na revisão sistemática com metanálise que demonstrou que maior tempo exposto ao comportamento sedentário não aumentou as chances de sobrepeso e/ou obesidade em idosos. No segundo artigo, investigou-se a associação entre comportamento sedentário e nível de atividade física de forma combinada e independente com sobrepeso e obesidade em idosos que residem em uma região do nordeste do Brasil. Este estudo transversal, que é parte integrante do Estudo Longitudinal de Saúde do Idoso de Alcobaça – ELSIA, foi realizado em 452 indivíduos com idade ≥60 anos. Foi aplicado um questionário estruturado contendo informações sociodemográficas e comportamentais. O comportamento sedentário foi avaliado por meio de autorrelato. Sobrepeso e obesidade foram mensuradas por meio do índice de massa corporal. A regressão multinomial foi utilizada para avaliar a associação entre comportamento sedentário e nível de atividade física com sobrepeso e obesidade. Na análise bruta, verificou-se associação entre sexo, tabagismo e consumo de medicamentos com sobrepeso e obesidade. Após o ajuste, não houve associação entre as variáveis nas análises realizadas de forma independente e combinada. Sugere-se que novos estudos com critérios padronizados de mensuração de comportamento sedentário e sobrepeso e obesidade sejam realizados a fim de se compreender a relação entre essas variáveis.
Resumo: From the epidemiological transition that has occurred in recent decades, there is a change in the age pyramid, with the increasing population of elderly. In addition, there is a change in the lifestyle of the individuals in relation to eating habits, reduction of the practice of physical activities and increase of the time in sedentary behavior. So, there is the need to understand the relationship between these variables and their deleterious effects on the health of individuals. Therefore, the objective of this study was to analyze the association of sedentary behavior and level of physical activity in a combined and independent way with nutritional status in the elderly. In the first article, a systematic review was performed on the BVS, PubMed and Web of Science databases to analyze observational studies that evaluated the association between exposure time to sedentary behavior and nutritional status (overweight/malnutrition) in individuals of age ≥60 years. Eight articles were included in the systematic review with meta-analysis that demonstrated that longer exposure to sedentary behavior did not increase the odds of overweight and / or obesity in the elderly. In the second article, was to investigate the association between sedentary behavior and level of physical activity in combination and independent with overweight and obesity in the elderly living in a region of northeastern Brazil. This cross-sectional study, which is an integral part of the Elderly's Health Longitudinal Study of Alcobaça - ELSIA, was performed in 452 individuals aged ≥60 years. A structured questionnaire containing sociodemographic and behavioral information was applied. Sedentary behavior was assessed through self-report. Overweight and obesity were measured using the body mass index. The multinomial regression was used to evaluate the association between sedentary behavior and level of physical activity with overweight and obesity. In the crude analysis, there was an association between sex, smoking and consumption of medicines with overweight and obesity. After the adjustment, there was no association between the variables in the analyses performed independently and combined. It is suggested that new studies with standardized criteria for measuring sedentary behavior and overweight and obesity be performed in order to understand the relationship between these variables
Palavras-chave: Estilo de vida sedentário.
Sobrepeso.
Obesidade.
Desnutrição.
Idoso.
Sedentary lifestyle.
Overweight.
Obesity.
Malnutrition.
Aged.
Área do CNPQ: Educação Física
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Instituto de Ciências da Saúde - ICS::Curso de Graduação em Enfermagem
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação Física
Citação: CAMILO, Bruno de Freitas. Comportamento sedentário, atividade física e estado nutricional de idosos. 2017. 91f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Programa de Pós-Graduação em Educação Física, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2017.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 2-Feb-2017
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Educação Física

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Bruno F Camilo.pdfDissert Bruno F Camilo994,46 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons