Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/439
Tipo: Dissertação
Título: Modelo psicológico, sociocultural e psicossocial do desempenho acadêmico na transição do Ensino Médio à Educação Superior: o caso do curso de Licenciatura em Matemática da UFTM
Título(s) alternativo(s): Psychological, socio-cultural and psycho-social model of academic performance in the transition from high school to higher education: the case of Degree in Mathematics of UFTM
Autor: SILVA, Henrique Grabalos 
Primeiro orientador: OLIVEIRA JUNIOR, Ailton Paulo de
Resumo: Um dos objetivos que o estudante envolvido no contexto educacional brasileiro traz consigo a conquistar no decorrer de sua vida é a universidade. A sociedade de modo geral contribui para que isso faça parte de seu plano de vida, criando expectativas quanto à necessidade dos estudos acadêmicos. Antes do estudante adentrar aos estudos universitários, passa por períodos de transformações, desde o ensino básico à Educação Superior. Independentemente de sua fragilidade e capacidade, estes momentos são concentrados em angústias até conseguir o esperado acesso ao Ensino Superior. Diante disto, o estudante traz consigo consequências destes processos de transformações que poderão contribuir de forma positiva ou não no processo cognitivo durante os estudos acadêmicos. Assim, a presente pesquisa está inserida na linha de pesquisa “Fundamentos e práticas educacionais” e é um subprojeto ligado ao Grupo de Estudos em Educação Estatística e Matemática – GEEM ligado ao Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Portanto, o trabalho teve como objetivo propor um modelo eclético (considerando aspectos psicológicos, socioculturais e psicossociais), de avaliação do desempenho acadêmico de alunos do curso de Licenciatura em Matemática que transitam do Ensino Médio para a Educação Superior a partir da abordagem teórica das transições. Nesse sentido, as notas obtidas nas provas (testes) dos Concursos Vestibulares, variáveis sociais, econômicas, demográficas e culturais dos alunos; e atitudes dos alunos em relação à Matemática, são bons preditores do desempenho acadêmico dos alunos no curso de Licenciatura em Matemática. Assim, levando em conta os resultados obtidos no processo seletivo para o Ensino Superior – Vestibular de 2009 a 2011; das variáveis obtidas junto a aplicação do questionário sócio-econômico-cultural-educacional relacionado aos alunos; e das atitudes em relação à Matemática obtida por meio da Escala de Atitudes em Relação à Matemática, adaptada e validada por Brito (1998), foi efetuada uma regressão múltipla, para determinar o poder explicativo de cada uma destas variáveis consideradas (independentes) e de todas em conjunto sobre a variável dependente (desempenho). O estudo indicou que o resultado no Concurso Vestibular do curso de Licenciatura em Matemática nos três primeiros períodos em conjunto ou considerados em separado, apresenta-se como um fator positivo, ou seja, determina um melhor desempenho acadêmico. O estudo resgata que o conhecimento anterior é algo importantíssimo e deve ser levado em conta como fator fundamental relacionado aos alunos que pretendem ingressar na Universidade, pois a nota de acesso influenciou de maneira positiva o desempenho acadêmico dos alunos. E no segundo período há a indicação de que o sentimento positivo em relação à Matemática, ou seja, uma atitude positiva em relação a esta área indica um melhor desempenho acadêmico. Enfim, diante dos resultados alertamos para a importância de Universidades desenvolverem estudos para melhor compreender o perfil de seus alunos, relacionando-o ao desempenho acadêmico de seus alunos durante o curso.
Resumo: One of the objectives that students involved in the Brazilian educational context aim to achieve during their lives is university. Society as a whole contributes to make it a part of their life goals, raising expectations regarding the necessity of academic studies. Before starting their academic studies, students go through periods of change, from Elementary School to Higher Education. However frail or capable the student might be, the focus of these moments is the anguish felt until the Higher Education access they hope for is achieved. Thus, the students change under the consequences of these process, which can contribute positively or negatively in the cognitive process they go through during academic studies. Therefore, this research follows the approach “Educational Fundamentals and Practices”, being a sub-project linked to the Study Group in Statistical Education and Mathematics – GEEM, tied to the Post-Graduation Program in Education at the Federal University of the Triângulo Mineiro. Thus, this work aimed to propose an eclectic model (considering psychological, sociocultural and psychosocial aspects) of evaluation of the academic performance of students in the Graduation course in Mathematics who are going from High School to Higher Education Institutions, through a theoretical approach of the transitions. It is believed that the grades the students obtain in the exams (tests) of the Vestibular (exam akin to the SAT); social, economic, demographic and cultural variables of the students; and attitudes of the students regarding Mathematics, are good predictors of the academic performance of students in the Graduation Course in Mathematics. Thus, through the results obtained in the selection process for Higher Education Institutions – the Vestibular, from 2009 to 2011; the variables obtained through a questionnaire applied to the students regarding social, economic, cultural and educational aspects; and their attitudes regarding Mathematics – obtained through the Scale of Attitudes Regarding Mathematics, adapted and validated by Brito (1998) – a multiple regression was conducted to determine how well each of the (independent) variables considered can describe the situation, and how well all of them can, together, explain the dependent variable (performance). The study points out that previous knowledge is extremely important and needs to be taken into account as a fundamental factor, related to the students who intend to ingress University, since the grades in these tests influenced greatly the academic performance of the students. Regarding the second semester, data indicates that a positive feeling about Mathematics, that is, a positive attitude towards the area, suggests a better academic performance. Finally, these results indicate how important it is for universities to develop studies and better understand the profile of their students, establishing relationships between these profiles and their performances during the course itself.
Palavras-chave: Ensino Médio.
Ensino Superior.
Desempenho acadêmico.
Modelo de transição.
Licenciatura em Matemática.
High school.
Higher education.
Academic achievement.
Transition model.
Degree in Mathematics.
Área do CNPQ: Educação
Matemática
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Instituto de Educação, Letras, Artes, Ciências Humanas e Sociais - IELACHS::Curso de Graduação em Letras
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citação: SILVA, Henrique Grabalos. Modelo psicológico, sociocultural e psicossocial do desempenho acadêmico na transição do Ensino Médio à Educação Superior: o caso do curso de Licenciatura em Matemática da UFTM. 2017. 113f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Programa de Pós­-Graduação em Educação, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2017.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 20-Feb-2017
Appears in Collections:Programa de Pós­-Graduação em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Henrique G Silva.pdfDissert Henrique G Silva1,59 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons