Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/516
Tipo: Dissertação
Título: Syzygium sp: compostos bioativos e ação sobre as enzimas digestivas
Autor: FREITAS, Tuanny Cavatão 
Primeiro orientador: PEREIRA, Chrystian Araujo
Resumo: Atualmente, o diabetes mellitus e a obesidade representam alguns dos maiores problemas de saúde pública. Devido ao elevado custo do tratamento medicamentoso, a dificuldade ao acesso a tratamentos médicos e a larga tradição da população no uso de espécies vegetais, torna-se necessário a busca por alternativas mais acessíveis, como inibidores das enzimas digestivas presentes em fontes naturais, como as plantas medicinais. Um exemplo é a espécie Syzygium sp, referenciada como potencial agente hipoglicemiante e emagrecedor. Portanto, considerando o seu alto potencial de uso na terapia, a necessidade de mais estudos - especialmente os relacionados à eficácia, ao mecanismo de ação hipoglicemiante e antioxidante – e a escassez de informações relacionadas ao seu perfil de inibição das enzimas digestivas, os objetivos do trabalho foram: obter amostras de chás comerciais de Syzygium sp, preparar extratos brutos pelo método de infusão na proporção de 1:200 e realizar ensaios de inibição das enzimas digestivas, antes e após a exposição a um fluído gástrico simulado; determinar a presença de compostos fenólicos totais, alcalóides, taninos, flavonóis e flavonas e avaliar a capacidade antioxidante; avaliar a cinética enzimática frente aos inibidores; investigar a presença de inibidores de alfa-amilase nos extratos e realizar estudos teóricos para elucidar o suposto mecanismo de inibição enzimática da amilase por reconhecidos inibidores. As amostras dos chás de Syzygium sp demonstraram baixos percentuais de inibição das enzimas digestivas na diluição 1:200. A atividade antioxidante foi significativa, embora os teores de compostos fenólicos totais, de flavonois e flavonas, de alcalóides e de taninos não foram expressivos nesta diluição. A espectroscopia MALDI/ToF sugere a presença da luteolina e o docking molecular revelou que tanto a luteolina quanto o amido se ligam no mesmo sítio ativo da amilase, mas de forma acompetitiva. Conclui-se que a matriz complexa dos extratos de jambolão seja responsável pela variação do perfil inibitório das amostras e que estudos adicionais devem ser conduzidos para elucidação da eficácia e segurança do uso de extratos de Syzygium sp, in vivo. Logo, considerando a aparente falta de padronização das amostras, ainda não é recomendável seu uso pela população para o auxílio no tratamento do diabetes e da obesidade.
Resumo: Currently, diabetes mellitus and obesity represent some of the greatest public health problems. Due to the high cost of drug treatment, the difficulty in accessing medical treatments and the wide tradition of the population in the use of plant species, it is necessary to search for more accessible alternatives, such as inhibitors of digestive enzymes present in natural sources, such as medicinal plants. An example is the species Syzygium sp, referred to as hypoglycemic and efficient in weight loss. Therefore, considering its high potential for use in therapy, the need for further studies - especially those related to efficacy, hypoglycemic and antioxidant mechanism of action - and the scarcity of information related to its inhibition profile of digestive enzymes, the objectives were: obtain samples of Syzygium sp commercial teas, prepare raw extracts by the infusion method in a ratio of 1: 200 and carry out digestion enzyme inhibition tests, before and after exposure to a simulated gastric fluid; determine the presence of total phenolics, alkaloids, tannins, flavonols and flavones and evaluate the antioxidant capacity; evaluate enzymatic kinetics against inhibitors; investigate the presence of alpha-amylase inhibitors in the extracts and carry out theoretical studies to elucidate the supposed mechanism of enzymatic inhibition of amylase by recognized inhibitors. Syzygium sp tea samples showed low percentages of inhibition of digestive enzymes at the 1: 200 dilution. The antioxidant activity was significant, although the contents of total phenolic compounds, flavonoids and flavones, alkaloids and tannins were not expressive at this dilution. MALDI/ToF spectroscopy suggests the presence of luteolin and molecular docking revealed that both luteolin and starch bind in the same active site of the amylase, but in a competitive manner. It is concluded that the complex matrix of the jambolan extract is responsible for the variation of the inhibitory profile of the samples and that additional studies should be conducted to elucidate the efficacy and safety of the use of extracts of Syzygium sp in vivo. Therefore, considering the apparent lack of standardization of the samples, it is still not recommended its use by the population to aid in the treatment of diabetes and obesity.
Palavras-chave: Syzygium.
Diabetes.
Obesidade.
Enzimas digestivas.
Syzygium.
Diabetes.
Obesity.
Digestive enzymes.
Área do CNPQ: Bioquímica
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Instituto de Ciências Biológicas e Naturais - ICBN
Programa: Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Biociências Aplicadas
Citação: FREITAS, Tuanny Cavatão. Syzygium sp: compostos bioativos e ação sobre as enzimas digestivas. 2017. 56f. Dissertação (Mestrado em Biociências Aplicadas) - Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Biociências Aplicadas, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2017.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 12-Jun-2017
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Biociências Aplicadas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Tuanny C Freitas.pdfDissert Tuanny C Freitas1,13 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons