Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/539
Tipo: Dissertação
Título: Degradação eletroquímica e eletroquímica fotoassitida de efluentes lácteos
Autor: SOUSA, Diego Domingos Pereira de 
Primeiro orientador: MALPASS, Geoffroy Roger Pointer
Primeiro co-orientador: FERNANDES, David Maikel
Resumo: O presente estudo avaliou a eficiência do método eletroquímico e eletroquímico fotoassistido na degradação de um efluente proveniente da indústria de laticínios, tratado previamente por processos biológicos aeróbio e anaeróbios, utilizando um ânodo dimensionalmente estável comercial Ti/Ru0.3Ti0.7O2. Mediante a análises prévias o efluente apresentou uma quantidade significativa de íons cloreto (730 mg L-1), e a partir do tratamento eletroquímico e eletroquímico foto-assistido o efluente pode gerar, além de radicais hidroxila, radicais cloro, cloro e oxigênio molecular (Cl2 e O2) os quais apresentam alto poder de mineralização. Com isso iniciou-se um planejamento fatorial completo 23, uma vez que foram atribuidos os fatores tempo, pH e corrente, afim de averigurar a interação desses frente à degradação do efluente. A eficiência do processo foi determinada através da analálise da DQO como variável dependentente. Após determinar o pH ideal, deu-se inicio ao planejamento composto central (PCC) onde determinou as condições ótimas de degradação entre os fatores corrente (533,42 mA) e tempo (60,45 minutos). Mediante as condições ótimas, corrente e pH, o efluente foi submetido ao tratamento eletroquímico e eletroquímico foto-assistido em tempos de 15, 30, 60, 120 minutos a fim de avaliar o comportamento de parâmetros espeícifcos como DQO, DBO5, COT, cor, turbidez, condutividade, pH, cloretos, relação entre DQO/COT, DQO/DBO5 e a fitotoxidade. A degradação eletroquímica foto-assistida foi mais eficiente do que a degradação eletroquímica. O método eletroquímico foto-assistido promoveu uma redução acentuada na quantidade de íons cloreto presentes no efluente, indicando que a fotolise oxidou os íons à radicais cloro, entre outros compostos à base de cloro, auxiliando assim na mineralização. A degradação híbrida, eletroquímica foto-assistida, deixou todos os parametros citados dentros dos padrões estabelecidos pela legislação para fins de descarte, deixando o produto final menos tóxido que do o efluente inicial, melhor biodegradabilidade e com uma relação de custo de tratamento relativamente baixa (2,25 kWh m-3 de efluente).
Resumo: The present study evaluated the efficiency of the electrochemical and photochemical electrochemical method for the degradation of effluent from the dairy industry, previously treated by biological processes, was evaluated using a commercial Ti/Ru0.3Ti0.7O2 anode. The effluent presented a significant amount of chloride ions (730 mg L-1), after conversion to free chlorine, thus generating, besides hydroxyl radicals, chlorine radicals which have high mineralization power. Thus, a complete factorial design 23 was performed, where the time, pH and current factors were assigned to verify the interaction of these variables during effluent degradation. The efficiency of the process was determined by analyzing COD as a dependent variable. After determining the ideal pH, the central composite design (CCD) was performed, where the optimal degradation conditions between the current factors (533.42 mA) and time (60.45 minutes) were determined. The effluent was submitted to electrochemical and photochemical electrochemical treatment at 15, 30, 60, 120 minutes in order to evaluate the behaviour of specific parameters such as COD, BOD5, TOC, colour, Turbidity, conductivity, pH, chlorides, COD/TOC ratio, COD/BOD5 and phytotoxicity. Photochemical electrochemical degradation was more efficient than electrochemical degradation. The photochemical electrochemical method promoted a marked reduction in the amount of chloride ions present in the effluent, indicating that the photoactivity provided the ions to the chlorine radicals, among other chlorine compounds, thus aiding in the mineralization. Hybrid degradation, photo-assisted electrochemistry, left all parameters within the standards set by legislation for disposal purposes, leaving the final product less toxic than the initial effluent, better biodegradability and relatively low cost of treatment (2.25 kWh m-3 effluent).
Palavras-chave: Efluentes lácteos.
Planejamento fatorial.
Planejamento composto central.
Degradação eletroquímica.
Degradação eletroquímica foto-assistida.
Ânodo dimensionalmente estável (ADE).
Dairy products.
Factorial design.
Central composite design.
Electrochemical degradation.
Photo-assisted degradation.
Dimensionally stable anodes.
Área do CNPQ: Fisico-Química Orgânica
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Instituto de Ciências Exatas, Naturais e Educação - ICENE
Programa: Programa de Pós-Graduação Multicêntrico em Química de Minas Gerais
Citação: SOUSA, Diego Domingos Pereira de. Degradação eletroquímica e eletroquímica fotoassitida de efluentes lácteos. 2017. 137f. Dissertação (Mestrado em Química) - Programa de Pós-Graduação Multicêntrico em Química de Minas Gerais, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2017.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 28-Apr-2017
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação Multicêntrico em Química de Minas Gerais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Diego D P Sousa.pdfDissert Diego D P Sousa3,38 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons