Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/586
Tipo: Dissertação
Título: Efeitos respiratórios, musculares e autonômico do protocolo fisioterapêutico realizado durante hemodiálise em indivíduos com insuficiência renal crônica
Autor: SIMÕES, Mayara 
Primeiro orientador: ACCIOLY, Marilita Falângola
Resumo: ANTECEDENTES: A Insuficiência Renal Crônica (IRC) acomete diversos sistemas fisiológicos, sendo responsáveis pelo crescente número de morbimortalidade nessa população. O objetivo deste estudo foi analisar se o protocolo fisioterapêutico proposto durante a hemodiálise (HD) aumenta a força de extensores de joelho, de preensão palmar e da musculatura respiratória, a função pulmonar, a capacidade funcional e se modifica a modulação autonômica da frequência cardíaca (FC) dos indivíduos com IRC. MÉTODOS: Estudo quase experimental do tipo antes e depois, no qual a intervenção fisioterapêutica foi realizada em indivíduos com IRC em tratamento hemodialítico. Os participantes foram submetidos ao protocolo, realizado nas duas primeiras horas da HD, três vezes por semana, durante oito semanas, constituído por exercícios respiratórios, exercícios aeróbicos, e eletroestimulação associado a exercícios resistidos. Foram analisadas a variabilidade da frequência cardíaca (VFC), força muscular respiratória, de extensores de joelho e de preensão palmar, função pulmonar e capacidade funcional, antes e após intervenção. O nível de significância estabelecido foi de 5%. RESULTADOS: Participaram do estudo onze indivíduos (49,2 ± 8,6 anos). Houve aumento significativo nos índices RRtri (p = 0,037), comprimento máximo das linhas diagonais (p = 0,044), da força muscular expiratória (p = 0,012), de extensores de joelho (p = 0,025), e de preensão palmar (p= 0,001), e da capacidade funcional (p= 0,009). CONCLUSÃO: O protocolo proposto modifica a modulação autonômica da FC, e é eficaz no aumento da força muscular expiratória, de extensores de joelho e de preensão palmar, além da capacidade funcional de indivíduos com IRC em HD.
Resumo: BACKGROUND: Chronic Renal Insufficiency (CRI) affects several physiological systems, being responsible for the increasing number of morbidity and mortality in this population. The objective of this study was to analyze whether the proposed physiotherapeutic protocol during hemodialysis (HD) increases the strength of knee extensors, palmar grip and respiratory muscles, lung function, functional capacity and modifies autonomic heart rate (HR) modulation of individuals with CRI. METHODS: A quasi-experimental study of the before and after type, in which the physiotherapeutic intervention was performed in individuals with CRI undergoing HD. Participants were submitted to the protocol, performed in the first two hours of the HD, three times a week for eight weeks, consisting of respiratory exercises, aerobic exercises, and electrostimulation associated with resistance exercises. Variability of heart rate (HRV), respiratory muscle strength, strength knee extensors and palmar grip strength, lung function and functional capacity were analyzed before and after intervention. The level of significance was set at 5%. RESULTS: Eleven individuals (49.2 ± 8.6 years) participated in the study. There was a significant increase in RRtri index (p = 0.037), maximal length of diagonal lines (p = 0.044), expiratory muscle strength (p = 0.012), strength of knee extensors (p = 0.025), palmar grip (p = 0.001), and functional capacity (p = 0.009). CONCLUSION: The proposed protocol modifies the autonomic modulation of HR, and is effective in increasing expiratory muscle strength, knee extensors and palmar grip, as well as the functional capacity of individuals with CRI in HD.
Palavras-chave: Insuficiência Renal Crônica.
Exercício.
Hemodiálise.
Variabilidade da Frequência Cardíaca
Renal Insufficiency.
Chronic.
Exercise.
Hemodialysis.
Heart Rate Variability.
Área do CNPQ: Fisiologia Geral
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia
Citação: SIMÕES, Mayara. Efeitos respiratórios, musculares e autonômico do protocolo fisioterapêutico realizado durante hemodiálise em indivíduos com insuficiência renal crônica. 2018. 49f. Dissertação (Mestrado em Fisioterapia) - Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2018.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 18-Jul-2018
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Mayara Simoes.pdfDissert Mayara Simoes463,76 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons