Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/601
Tipo: Dissertação
Título: Agenda ambiental: desafios na integração de ações e mobilização de pessoas para cultura da sustentabilidade
Autor: ALMEIDA, Ricardo 
Primeiro orientador: LUZ, Mário Sérgio da
Primeiro co-orientador: SCATENA, Lucia Marina
Resumo: Este trabalho tem como objetivo caracterizar o cenário socioambiental de uma instituição federal de ensino superior, com vistas a subsidiar o desenvolvimento da cultura de sustentabilidade de sua comunidade interna. Para tanto, foi realizado um levantamento de dados para identificar o desempenho socioambiental da instituição, com base nos cinco principais eixos temáticos da Agenda Ambiental da Administração Pública (A3P), quais sejam: gestão de resíduos, licitação sustentável, qualidade de vida no ambiente de trabalho, sensibilização e capacitação dos servidores e uso racional dos recursos. Complementarmente, por meio de um questionário estruturado, foi realizada pesquisa amostral para avaliar a percepção ambiental da comunidade interna da universidade, com participação de 387 sujeitos, dentre alunos, professores e técnico-administrativos. Assim, o estudo foi classificado como uma pesquisa científica de natureza aplicada, descritiva e com abordagem quantitativa, abarcando procedimentos de pesquisa bibliográfica, documental e de campo. Os dados coletados foram tratados por análise descritiva, construção de indicadores e análise de variância com teste de comparação múltipla, que possibilitaram desenvolver uma discussão sobre o cenário e traçar perspectivas de atuação de uma agenda ambiental na Instituição. Como resultado, constatou-se um cenário de grande potencialidade para atuação sustentável, entretanto caracterizado pela fragmentação de esforços e iniciativas que levam os atores envolvidos a atuarem de maneira isolada. A comunidade interna apresentou tendências de boa percepção ambiental, porém com dicotomia entre crenças e práticas, reforçada por ruídos de comunicação interna, que formam barreiras e dificultam às pessoas perceberem os benefícios resultantes de ações socioambientais. Por fim, as constatações permitiram aferir que a implementação de uma agenda ambiental na Instituição, construída sob os princípios da transparência e participação coletiva, firma-se como fator determinante para integração do potencial já existente e promissor para o desenvolvimento da cultura de sustentabilidade, pressupondo avanços na perspectiva da inovação, a partir do processo de aprendizagem oportunizado pela agenda.
Resumo: This study aims to characterize the socio-environmental scenario of a federal institution of higher education, with a view to subsidizing the development of culture of sustainability of their internal Community. To this end, we conducted a survey of data to identify the social and environmental performance of the institution, on the basis of five main thematic axes of the Environmental Agenda of public administration (A3P), namely: waste management, sustainable procurement, quality of life in the workplace, sensitizing and training of servers and rational use of resources. In addition, by means of a structured questionnaire, sampling survey was carried out to evaluate the environmental perception of internal University community, featuring 387 subjects, among students, teachers and administrative-technical. Thus, the study was classified as a scientific research applied in nature, descriptive and quantitative approach, covering procedures for bibliographical research, documentary and field. The collected data were treated for descriptive analysis, construction of indicators and analysis of variance with multiple comparison test, which made it possible to develop a discussion about the scenario and trace performance prospects of an environmental agenda in the institution. As a result, there was a scene of great potentiality for sustainable performance, however characterized by fragmentation of efforts and initiatives that lead actors involved the work of isolated way. The internal Community presented trends of good environmental perception, however with dichotomy between beliefs and practices, reinforced by internal communication noises, which form barriers and make people realize the benefits of social-environmental actions. Finally, the findings have permitted assessing the implementation of an environmental agenda in the institution, built under the principles of transparency and collective participation, steady as a determining factor for integrating existing and promising potential for the development of the culture of sustainability, assuming advances in innovation perspective, from the learning process provided by the agenda.
Palavras-chave: Indicadores de Sustentabilidade.
Percepção Ambiental.
Inovação.
Educação Ambiental.
Sustainability Indicators.
Environmental Perception.
Innovation.
Environmental Education.
Área do CNPQ: Ciências Ambientais
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Instituto de Ciências Tecnológicas e Exatas - ICTE::Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica
Programa: Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica
Citação: ALMEIDA, Ricardo. Agenda ambiental: desafios na integração de ações e mobilização de pessoas para cultura da sustentabilidade. 2015. 131f. Dissertação (Mestrado em Inovação Tecnológica) - Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2018.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 6-Mar-2015
Appears in Collections:Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Ricardo Almeida.pdfDissert Ricardo Almeida2,19 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons