Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/617
Tipo: Dissertação
Título: A valorização das patentes na área de Química
Autor: FERREIRA, Valéria Vitor Resende 
Primeiro orientador: MALPASS, Geofroy Roger Pointer
Primeiro co-orientador: MALPASS, Ana Claudia Granato
Resumo: Em tempos de excesso de informações, identificar informações relevantes é condição importante para pesquisadores e inventores. A patente é fonte privilegiada de informações e se caracteriza pela padronização, confiabilidade, acessibilidade e abrangência. As informações tecnológicas das patentes, em sua grande maioria, não estarão disponíveis em outro tipo de publicação. O foco desse estudo consiste em identificar se a comunidade científica na área de Química está usufruindo das informações tecnológicas contidas nos documentos de patentes. Para esse fim, realizou-se levantamento de pesquisadores da área com a intenção de identificar se estão consultando e utilizando patentes em seu trabalho. De 66 Programas de PósGraduação em Química existentes no Brasil, foram selecionados 49 em função de possuírem nota de avaliação pela Capes igual ou superior a 4. A pesquisa recebeu 421 respostas. As áreas de maior concentração no estudo são Materiais e Química Fina. Constatou-se que 42,8% dos respondentes consultam as patentes em sua rotina de trabalho. Destes, mais de 90% consideram a patente como uma fonte de informação relevante. A modalidade de maior interesse dos pesquisadores é Patente de Invenção. Dentre os docentes que consultam patentes, foram registradas críticas ao conteúdo das patentes e aos detalhes técnicos. No contexto atual, a preferência por publicar artigos científicos prevalece sobre o interesse por depósitos de patente. Mais de 72% dos respondentes declararam que em suas instituições de ensino possuem mecanismos de incentivo ao depósito de patente. Registrou-se situação de demora no processamento de patentes pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI), a qual foi citada como sendo um dos principais motivos de não depositar pedidos de patentes.
Resumo: In times of excessive information, identifying relevant information is important for researchers and inventors. The patent is a privileged source of technological information and is characterized by standardization, reliability, accessibility and comprehensiveness. The technological information present in patents, for the most part, will not be available in other types of publication. The focus of this study is to investigate if the scientific community, in the chemistry area, employs the technological information contained in patents. For this purpose, a survey of researchers in the area was carried out with the intention of identifying if they are consulting and using patents in their work. Overall 66 post-graduate Chemistry programs exist in Brazil and 49 were selected because they had a CAPES rating equal to, or higher, than 4. A Total of 421 replies to the survey were received. The areas of greatest concentration in are Materials and Fine Chemistry. It was found that 42.8% of respondents routinely consulted patents in the course of their work. Of these, more than 90% consider the patent as a source of relevant information. The mode of patent considered most useful by the surveyed researchers is the Patent of Invention. Among the researchers who consult patents, criticisms were registered regarding the content of patents and technical details. In the current context, the preference for publishing scientific articles prevails over the interest in patent deposits. More than 72% of the respondents stated that in their institutions mechanisms exist to encourage patent deposits. The delay in patent processing by the National Institute of Industrial Property (INPI) was also cited by the authors as a motive for not depositing patents.
Palavras-chave: Propriedade Intelectual.
Patentes.
Pesquisa e Desenvolvimento.
Intellectual Property.
Patents.
Research and Development.
Área do CNPQ: Química
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Instituto de Ciências Tecnológicas e Exatas - ICTE::Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica
Programa: Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica
Citação: FERREIRA, Valéria Vitor Resende. A valorização das patentes na área de Química. 2018. 88f. Dissertação (Mestrado em Inovação Tecnológica) - Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2019.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 6-Dec-2018
Appears in Collections:Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Valeria V R Ferreira.pdfDissert Valeria V R Ferreira2,59 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons