Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/768
Tipo: Dissertação
Título: Avaliação microbiológica em circuitos dos ventiladores mecânicos usados no Hospital de Clínicas da UFTM
Autor: SANTOS, Wanessa Maria dos 
Primeiro orientador: OKURA, Mônica Hitomi
Primeiro co-orientador: PEREIRA, Gilberto de Araújo
Resumo: A aplicação na prática clínica do suporte ventilatório artificial ao paciente tem evoluído, podendo ter impacto na melhora da sobrevida e na qualidade do atendimento oferecido pelos profissionais da saúde. Esse cenário gera perspectivas interessantes para estudos clínico-epidemiológicos, bem como para investigações do comportamento microbiológico em produtos para saúde passíveis de processamento, que permitem repetidos processos de limpeza, desinfecção ou esterilização. Assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar os micro-organismos presentes nos circuitos respiratórios dos ventiladores mecânicos utilizados no Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Para isso, foram realizadas coletas de amostras para cultura nos ramos expiratórios dos tubos corrugados em três diferentes fases: na fase 1 foram avaliados tubos que haviam sido utilizados pelos pacientes em ventilação mecânica invasiva, na fase 2 realizou-se a avaliação daqueles previamente processados (limpos) em água (não estéril) com detergente enzimático e na fase 3, foram analisados os tubos secos com jatos de ar comprimido e posteriormente esterilizados em óxido de etileno. O nível de contaminação em alguns circuitos analisados foi em ordem de 45,12% na fase 1; 28,04% na fase 2 e de 13,41% durante a fase 3, com identificação das seguintes bactérias: Staphylococcus aureus, Staphylococcus sp. coagulase negativa, Pseudomonas aeruginosa, Enterobacter cloacae e Enterococcus sp. Neste estudo foi possível verificar que existe uma relação significativa sobre o método de processamento dos circuitos respiratórios. Constatou-se redução significativa (p=0,0142) na população bacteriana após os circuitos respiratórios serem expostos ao tratamento com solução enzimática, obtendo-se a remoção de micro-organismos em 84,38%. Portanto, o processamento apresentou eficiência e redução de quatro logaritmos do bioburden. Nos circuitos analisados após esterilização houve crescimento de micro-organismos (28,86%) com possibilidade de haver contaminação cruzada.
Resumo: The clinical application of artificial ventilatory support to the patient has evolved and may have an impact on the improvement of survival and the quality of care provided by health professionals. This scenario generates interesting perspectives for clinical-epidemiological studies, as well as for investigations of the microbiological behavior in products for health that can be processed, allowing repeated cleaning, disinfection or sterilization. Thus, the objective of this work was to evaluate the microorganisms present in the respiratory circuits of mechanical ventilators used in the hospital at the Clinics Hospital of the Federal University of Triângulo Mineiro. For this purpose, specimens were collected for culture in the expiratory branches of the corrugated tubes in three different phases: in phase 1, were evaluated the tubes that had been used by the patients in invasive mechanical ventilation; in phase 2, those previously processed (cleaned) in non-sterile water with enzymatic detergent and in stage 3, were analyzed the tubes that had been dried with compressed air jets and sterilized in ethylene oxide. The level of contamination in some circuits analyzed was in the order of 45.12% in Phase 1; 28.04% in Phase 2 and 13.41% during Phase 3, with identification of the following bacteria: Staphylococcus aureus, Staphylococcus sp. coagulase negative, Pseudomonas aeruginosa, Enterobacter cloacae and Enterococcus. In this study it is possible to verify that there is a significant relationship between the respiratory circuit processing method, where we found a significant reduction (p = 0.0142) in the bacterial population, after the respiratory circuits were exposed to the treatment with enzymatic solution, obtaining the removal of microorganisms of 84.38%, therefore, the processing presented efficiency and reduction of four logarithms of the bioburden. In the circuits analyzed after sterilization there was growth of microorganisms (28.86%) with possibility of cross-contamination.
Palavras-chave: Ventilação mecânica.
Desinfecção.
Infecção Hospitalar.
Respiration Artificial.
Disinfection.
Nosocomial infection.
Área do CNPQ: Ciências da Saúde
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Instituto de Ciências Tecnológicas e Exatas - ICTE::Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica
Programa: Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica
Citação: SANTOS, Wanessa Maria dos. Avaliação microbiológica em circuitos dos ventiladores mecânicos usados no Hospital de Clínicas da UFTM. 2018. 82f . Dissertação (Mestrado em Inovação Tecnológica) - Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2019 .
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 10-Oct-2018
Appears in Collections:Programa de Mestrado Profissional em Inovação Tecnológica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Wanessa M dos Santos.pdfDissert Wanessa M dos Santos1,55 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons