Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/828
Tipo: Dissertação
Título: Avaliação do perfil de citocinas na secreção endocervical de pacientes com nic II e III tratadas com interferon alfa peguilado
Autor: MUNDIM, Fabiano Vilela 
Primeiro orientador: MURTA, Eddie Fernando Candido
Primeiro co-orientador: MICHELIN, Márcia Antoniazi
Resumo: A neoplasia intraepitelial cervical como consequência da transformação carcinogênica causada pelo HPV é hoje um dos principais fatores de intercorrências no aparelho genital feminino. Além do câncer invasivo do colo uterino; intervenções do tratamento, como conização e LEEP podem levar a complicações obstétricas, com consequente infertilidade. Avanços na compreensão do sistema imune têm levado a novas estratégias de tratamento. As citocinas são um grupo de moléculas envolvidas na emissão de sinais entre as células durante as respostas imunes, e entre elas, o interferon possui papel imprescindível nos mecanismos de proteção antiviral, exercendo potentes efeitos imunomodulatórios e no controle do crescimento celular. Estimular o sistema imunológico a reconhecer células modificadas ou infectadas tem sido um grande desafio. Dessa maneira, foi avaliada a resposta imune local nas secreções de pacientes com lesões neoplásicas de alto grau tratadas com IFN-α 2b peguilado. Para tanto, foi realizada uma terapia com seis doses da medicação (Interferon α 2b peguilado) em 16 pacientes diagnosticadas com lesão de alto grau; e em cada aplicação do tratamento, durante a inspeção especular foram coletadas amostras das secreções para dosagem de citocinas (IL-2, IL-12, TNF, IFN-γ, TGF-β, IL-4, IL-10) por ensaio imunoenzimático (ELISA). Como metodologia do estudo, as pacientes foram divididas em três grupos, (Geral, Boa e Má respostas) baseadas nos resultados das biópsias coletadas durante o tratamento; antes da terapia (1ª aplicação) e após o tratamento (6ª aplicação). Para a avaliação dos resultados utilizou-se os testes estatísticos de Friedman e Mann-Whitney considerando-se a amostragem significante quando p≤0,05. Diante dos resultados obtidos, verificou-se que 43,75% das pacientes obtiveram resposta clínica satisfatória. Na avaliação das citocinas, foram observadas grandes variações durante a terapia, com alterações significativas durante todo o tratamento e entre os períodos de aplicações, das quais podemos destacar o TGF-β (Grupo geral), com diminuição significativa durante o tratamento com todas as pacientes (p=0,035), e entre a 1ª e 4ª e 4ª e 5ª aplicações (p=0,0420/p=0,0285). A citocina TNF-α no grupo de pacientes com Boa resposta à terapia apresentou o mesmo perfil de diminuição estatisticamente relevante (p=0,011/p=0,070/p=0,0379) durante os períodos de aplicação (1ª e 6ª, 2ª e 6ª e 4ª e 6ª aplicações), com tendência a manter esse aspecto no término da terapia. Na análise da IL-4 entre no grupo de pacientes com Má resposta, foram verificados resultados significantes (p=0,018/p=0,0258) com uma diminuição durante as aplicações (1ª e 5ª e 1ª e 6ª aplicações). Além disso, observou-se também que essa citocina apresentou dados significantes na 1ª aplicação quando comparados os dois grupos de pacientes (Boa e Má respostas) durante os períodos da terapia (p=0,0229). Esses dados nos permitem concluir que o perfil predominante naquelas pacientes que tiveram falha na terapia parece estar associado com níveis aumentados da IL-4, no início do tratamento; e que ainda uma diminuição do TGF-β e do TNF-α podem estar relacionados com aquelas pacientes que responderam ao tratamento. Contudo, de uma maneira geral, a imunoterapia com IFN α-2b peguilado mostrou-se satisfatória quando comparamos com outros trabalhos similares na literatura, sugerindo que esse tratamento possa ser uma opção terapêutica no futuro, principalmente para mulheres jovens, onde tratamentos agressivos das neoplasias e suas complicações possam ser evitados.
Resumo: Cervical intraepithelial neoplasia as a consequence of the carcinogenic transformation caused by HPV is now one of the main intercurrent factors in the female genital tract. In addition to invasive cervical cancer; interventions such as conization and LEEP can lead to obstetric complications, with consequent infertility. Advances in understanding the immune system have led to new treatment strategies. Cytokines are a group of molecules involved in the emission of signals between cells during immune responses, and among them, interferon plays an essential role in antiviral protection mechanisms, exerting potent immunomodulatory effects and in controlling cell growth. Stimulating the immune system to recognize modified or infected cells has been a major challenge. In this way, the local immune response in the secretions of patients with high grade neoplastic lesions treated with pegylated IFN-α 2b was evaluated. A six-dose therapy (Interferon α 2b pegylated) was performed in 16 patients diagnosed with high-grade lesions; (IL-2, IL-12, TNF, IFN-γ, TGF-β, IL-4, IL-10) were collected during the specular inspection by enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA). As a study methodology, the patients were divided into three groups (General, Good and Bad responses) based on the results of the biopsies collected during the treatment; before therapy (1st application) and after treatment (6th application). The Friedman and Mann-Whitney statistical tests were used for the evaluation of the results, considering the significant sampling when p≤0.05. In view of the results obtained, it was verified that 43.75% of the patients had a satisfactory clinical response. In the evaluation of cytokines, large variations were observed during therapy, with significant changes throughout the treatment and between the application periods, of which we can highlight the TGF-β (General group), with a significant decrease during the treatment with all patients (P = 0.035), and between the 1st and 4th and 4th and 5th applications (p = 0.0420 / p = 0.0285). The cytokine TNF-α in the group of patients with good response to therapy had the same statistically significant reduction profile (p = 0.011 / p = 0.070 / p = 0.0379) during the application periods (1st and 6th, 2nd and 6th and 4th and 6th applications), tending to maintain this aspect at the end of therapy. In the analysis of IL-4 among the group of patients with poor response, significant results (p = 0.018 / p = 0.0258) were observed with a decrease during the applications (1st and 5th and 1st and 6th applications). In addition, it was also observed that this cytokine presented significant data in the 1st application when comparing the two groups of patients (Good and Bad responses) during the periods of therapy (p = 0.0229). These data allow us to conclude that the predominant profile in those patients who failed therapy appears to be associated with increased levels of IL-4 at the start of treatment; and that even a decrease in TGF-β and TNF-α may be related to those patients who responded to treatment. However, immunotherapy with pegylated IFNα-2b has been shown to be satisfactory when compared to other similar studies in the literature, suggesting that this treatment may be a therapeutic option in the future, especially for young women, where aggressive treatment of neoplasias and its complications can be avoided.
Palavras-chave: Citocinas.
Interferon α 2b peguilado.
Imunoterapia.
Neoplasia intraepitelial cervical.
Cytokines.
Interferon α 2b pegylated.
Immunotherapy.
Cervical intraepithelial neoplasia.
Área do CNPQ: Imunologia Aplicada
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Instituto de Ciências da Saúde - ICS::Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Citação: MUNDIM, Fabiano Vilela. Avaliação do perfil de citocinas na secreção endocervical de pacientes com nic II e III tratadas com interferon alfa peguilado. 2017. 125f . Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2017 .
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 26-Apr-2017
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Fabiano V Mundim.pdfDissert Fabiano V Mundim4,29 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons