Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/832
Tipo: Dissertação
Título: Avaliação da mucosa periimplantar em pacientes com periimplantite: aspectos clínicos, histopatológicos e imunológicos
Autor: ARAÚJO, Márcia Fernandes de 
Primeiro orientador: PEREIRA, Sanívia Aparecida de Lima
Resumo: A periimplantite é uma lesão que circunda os implantes dentários devido a fatores como esforços mecânicos excessivos, corrosão e presença de bactérias agressivas, podendo provocar infecção e inflamação, além de perda óssea em torno dos implantes osseointegrados. Objetivo – O objetivo deste trabalho foi comparar a resposta inflamatória na mucosa periimplantar entre pacientes com periimplantite (CP) e pacientes sem periimplantite (SP). Material e Métodos – Foi realizada biópsia da mucosa periimplantar de 18 pacientes: nove do grupo CP e nove do grupo SP. Em cada caso, foram coletados e processados dois fragmentos. Foram realizados cortes seriados para análise histopatológica e imuno-histoquímica. Um dos fragmentos foi destinado para análise histopatológica, utilizando as colorações de hematoxilina-eosina e picro-sírius para quantificar a densidade de células inflamatórias e fibras colágenas, respectivamente. A análise imuno-histoquímica foi realizada para TGF-β , IL-17, CD31, mastócito-quimase e mastócito-triptase. O outro fragmento foi utilizado para quantificar a expressão de IL-13 por imunoensaio enzimático (ELISA). Resultados – A densidade de células imunomarcadas para TGF-β e IL-17 e a densidade de vasos imunomarcados para CD31 foi significativamente maior no grupo CP quando comparado ao grupo SP. O grupo CP apresentou maior densidade de leucócitos, mastócito-quimase e mástócito-triptase, embora sem diferença significativa. Os pacientes do grupo SP apresentaram maior expressão de IL-13 e maior quantidade de fibras colágenas quando comparados aos pacientes do grupo CP, com diferença significativa. Nenhum dos pacientes apresentou supuração ou necrose. No grupo CP, houve correlação positiva e significativa entre a densidade de mastócito-triptase e a densidade de vasos imunomarcados por anti-CD31. Houve também no grupo CP correlação positiva e significativa entre a densidade de mastócito-quimase e a densidade de vasos imunomarcados por anti-CD31. Houve correlação negativa e significativa entre a densidade de IL-17 e a porcentagem de colágeno também no grupo CP. Conclusões – A maior resposta inflamatória no grupo CP sugere a participação de mastócitos-triptase e mastócito-quimase na indução de alterações nas células endoteliais e maior expressão de CD31. Essa indução faz com que ocorra maior exsudação de leucócitos, o que aumentaria outras citocinas como a IL-17, que por sua vez agravaria o processo inflamatório e inibiria a atuação de IL-13. Com a redução de IL-13 no grupo CP, a ação pró-fibrótica neste grupo também estaria reduzida. Além disso, o aumento da IL-17 poderia ativar osteoclastos com a consequente perda de osso, o que poderia provocar a perda de implantes dentários. Dessa forma, com o estudo da influência de citocinas na periimplantite, novas terapias poderiam ser desenvolvidas, contribuindo assim com o aumento da longevidade do implante.
Resumo: The periimplantitis is a lesion surrounding dental implants due to factors such as excessive mechanical stress, corrosion and aggressive bacteria, which can cause infection and inflammation, and bone loss around dental implants. Objective – The aim of this study was to compare the inflammatory response in peri-implant gingival tissue between the group of patients with peri-implantitis (PP) and group with healthy healthy peri-implant tissues (HP). Material e Methods – Biopsy was performed of peri-implant mucosa of 18 patients: nine of PP group and nine of HP group. In each case two fragments were collected and serial sections were performed for histological and immunohistochemical analysis. One of the fragments was collected for the histopathological analysis, with use of hematoxylin-eosin (HE) and picro-sírius to quantify the density of inflammatory cells and collagen fibers respectively. Immunohistochemical analysis was performed to TGF-β, IL-17, CD31, mast cell chymase, and mast cell tryptase. The other fragment was used to quantify the expression of IL-13 by Enzymatic Immunoabsorbent Assay (ELISA). Results – Immunostained cell density for TGF-β, IL-17 and CD31 was significantly higher in PP group when compared with HP group. PP group showed greater density of red cells, leukocytes, mast cells chymase and mast cell tryptase, however, without significant difference.HP group patients showed higher IL-13 expression and increased amount of collagen fibers when compared with PP group patients, with significant difference. None of the patients presented suppuration or necrosis. There was significant positive correlation between the mast cell tryptase density and density of blood vessels immunostained with anti-CD31 in the PP group. There was significant positive correlation between the mast cell chymase density and density of blood vessels immunostained with anti-CD31 in the PP group. There was significant negative correlation between the density of IL-17 and collagen. Conclusions - This study demonstrated that in patients with peri-implantitis there was an increase in TGF-β and IL-17, indicating that these cytokines are directly involved in the inflammatory process. In addition, it demonstrated that there was an increase in IL-13 in patients with health peri-implant tissues, which could explain the larger number of collagen fibers in this group, suggesting that this cytokine has anti-nflammatory action. Thus, understanding the influence of cytokines in the peri-implantitis installation, new therapies could be developed in order to inhibit the synthesis of IL-17 and induce synthesis of IL-13 in peri-implant tissue, contributing to increase the longevity of the implant.
Palavras-chave: Implantes dentários.
Periimplantitite.
Inflamação.
Citocinas.
Dental implants.
Periimplantititis.
Inflammation.
Cytokines.
Área do CNPQ: Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Instituto de Ciências da Saúde - ICS::Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Citação: ARAÚJO, Márcia Fernandes de. Avaliação da mucosa periimplantar em pacientes com periimplantite: aspectos clínicos, histopatológicos e imunológicos. 2013. 70f . Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2013 .
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 1-Feb-2013
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Marcia F Araujo.pdfDissert Marcia F Araujo1,15 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons