Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.uftm.edu.br/handle/tede/867
Tipo: Tese
Título: Avaliação da aterosclerose nas artérias ilíacas de pacientes autopsiados
Autor: TORQUATO, Bianca Gonçalves Silva 
Primeiro orientador: FERRAZ, Mara Lúcia da Fonseca
Primeiro co-orientador: TEIXEIRA, Vicente de Paula Antunes
Resumo: Introdução: a doença cardiovascular aterosclerótica nas artérias ilíacas ocorre de maneira assintomática e está associada a aterosclerose sistêmica, o que contribui para os elevados índices de mortalidade. Objetivos: foi avaliar a intensidade macroscópica e microscópica da aterosclerose; mensurar a espessura das camadas íntima e média; quantificar a porcentagem de depósito lipídico e de fibras colágenas, de artérias ilíacas direita e esquerda, e associar esses dados a fatores de risco como envelhecimento; sexo e causa de morte. Métodos: foram obtidos 202 fragmentos de artérias ilíacas direita e esquerda de pacientes autopsiados. Para a classificação da intensidade da aterosclerose foi considerada a extensão de estrias lipídicas, de placas ateromatosas, de fibrose e de calcificação. Na macroscopia, por meio de uma escala de 12,0cm foi registrado um ponto correspondente a intensidade da aterosclerose. A classificação foi discreta, de 0,1cm a 4,0cm; moderada, de 4,1cm a 7,0cm e acentuada de 7,1cm a 12,0cm. Na microscopia, os fragmentos foram corados por hematoxilina e eosina e analisados ao microscópio de luz, sendo o acometimento discreto, quando menor que 25%; moderado, entre 26% a 50% e acentuado quando acima de 50%. Para a mensuração da espessura das camadas íntima e média foi feita a coloração por Verhoeff e para o depósito lipídico, o Sudan Vermelho. Ambas as análises foram feitas no software Axion Vision®. A porcentagem de fibras colágenas foi realizada no software Leica Qwin Plus®, sendo as lâminas coradas pelo Picrossírius. Para análise estatística foi utilizado o software graphPad Prism®. Resultados: a intensidade macroscópica e microscópica da aterosclerose; o espessamento das camadas íntima e média; a porcentagem de depósito lipídico e de fibras colágenas se correlacionaram de forma positiva e significativa com a idade, sendo significativamente maiores no sexo masculino e na causa de morte cardiovascular. Conclusão: os diferentes métodos usados fornecem novas aplicações para uma avaliação mais sensível dos grupos de risco e das alterações precoces associadas à aterosclerose pré-clínica nas artérias ilíacas.
Resumo: Introduction: Atherosclerotic cardiovascular disease in the iliac arteries occurs asymptomatically and is associated with systemic atherosclerosis, which contributes to high mortality rates. Objectives: to evaluate the macroscopic and microscopic intensity of atherosclerosis; measure the thickness of the intima and middle layers; quantify the percentage of lipid deposits and collagen fibers, right and left iliac arteries, and associate these data with risk factors such as aging; sex and cause of death. Methods: 202 fragments of right and left iliac arteries were obtained from autopsied patients. For the classification of the intensity of atherosclerosis, we considered the extension of lipid streaks, atheromatous plaques, fibrosis and calcification. In macroscopy, a point corresponding to the intensity of atherosclerosis was recorded using a 12.0cm scale. The classification was discrete, from 0.1cm to 4.0cm; resistant front, easy peel-and-stick back No minimum order Small, 3.8 cm (sheet of 20) In the microscopy, the fragments were stained with hematoxylin and eosin and analyzed under a light microscope, being the discrete involvement, when less than 25%; moderate, between 26% and 50%, and accentuated when above 50%. In order to measure the thickness of the intima and medium layers, Verhoeff staining and the Red Sudan lipid deposit were made. Both analyzes were done in Axion Vision® software. The percentage of collagen fibers was performed in the Leica Qwin Plus® software, with the blades stained by Picrossírius. For statistical analysis, graphPad Prism® software was used. Results: the macroscopic and microscopic intensity of atherosclerosis; thickening of the intima and middle layers; the percentage of lipid deposits and collagen fibers correlated positively and significantly with age, being significantly higher in males and in the cause of cardiovascular death. Conclusion: The different methods used provide new applications for a more sensitive assessment of the risk groups and early changes associated with preclinical atherosclerosis in the iliac arteries.
Palavras-chave: Artéria ilíaca.
Aterosclerose.
Grupos de risco.
Autópsia.
Iliac artery.
Atherosclerosis.
Risk groups.
Autopsy.
Área do CNPQ: Ciências da Saúde
Idioma: por
País: Brasil
Editora / Evento / Instituição: Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Sigla da instituição: UFTM
Departamento: Instituto de Ciências da Saúde - ICS::Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Citação: TORQUATO, Bianca Gonçalves Silva. Avaliação da aterosclerose nas artérias ilíacas de pacientes autopsiados. 2019. 68f . Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, 2019 .
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
Data do documento: 18-Jun-2019
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Bianca G S Torquato.pdfTese Bianca G S Torquato1,72 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons